Google+
Facebook
Twitter
Linkedin
Instagram
Flickr

domingo, 23 de setembro de 2018


Andrea Bocelli - Estádio Beira-Rio

O tenor mais amado do mundo se apresentrou no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, no dia 23 de setembro, às 20h.

Considerado o artista de maior sucesso na história da música clássica, ele esteve em turnê no Brasil outras quatro vezes.

Na turnê brasileira Bocelli estará sob o comando de Eugene Kohn e a soprano Larisa Martínez, vencedora da competição do Metropolitan Opera em 2016, além do Prêmio Fundação Angel Ramos e do Prêmio do Público.

Recitalista apaixonada por música e teatro, Larisa é reconhecida pela qualidade de voz calorosa e pelo timbre marcante.

Há uma década como diretor musical das turnês de Andrea Bocelli, tendo ocupado a mesma posição durante anos nos concertos de Plácido Domingo, Eugene Kohn já se apresentou pelos cinco continentes para celebridades e milhares de amantes da música.

Para abrir os concertos foram convidados os violonistas clássicos Magdalena Kaltcheva e Carlo Corrieri, que formam o CARisMA Guitar Duo. A partir de elementos da música contemporânea e da clássica, o grupo reúne antigo e novo na criação de um som inovador.

Compõem o cenário grandioso dos concertos de Andrea Bocelli ao lado das estrelas internacionais, a Orquestra Juvenil Heliópolis, cujos 60 instrumentistas, de idades entre 14 a 25 anos, aliam jovialidade e conhecimento sob o trabalho diário de seu regente titular, Edilson Ventureli. A Orquestra é mantida pelo Instituto Baccarelli, assim como o Coral da Gente, que também acompanha o artista por toda a turnê brasileira.

Para abrilhantar ainda mais esses concertos, o tenor convidou Maria Rita, grande ícone da música brasileira, considerada pela mídia especializada a maior representante de sua geração, a qual se apresentará com o tenor na segunda parte do concerto.

Realização: Dançar Marketing e Klassics Music Management
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •

sábado, 15 de setembro de 2018


Tom Morello - Samsung Best Of Blues

Com solos de guitarra e acordes inovadores, Tom Morello é conhecido mundialmente tanto por sua carreira solo quanto como integrante das bandas de rock Rage Against the Machine e Audioslave – vencedoras de inúmeros Grammys e mais 30 milhões de álbuns vendidos mundialmente.

O guitarrista foi inclusive reconhecido pela revista Rolling Stone como um dos “100 Maiores Guitarristas de Todos os Tempos (#26)”, Ele produziu e colaborou com artistas de diversos gêneros, entre eles WuTang Clan, Johnny Cash, Tool, John Fogerty, Anti-Flag, Public Enemy, Joe Strummer, Crystal Method, Street 13, Dave Mathews Band, Linkin Park, Travis Barker e Pete Seeger.


Há dois anos Morello se uniu aos colegas do Rage Against The Machine, Tim Commerford e Brad Wilk, além de B-Real do Cypress Hill, Public Enemy's Chuck D e DJ Lord, para formar a banda Prophets of Rage.


O primeiro álbum do grupo foi lançado em 15 de setembro de 2017.


Morello anunciou recentemente seu novo álbum solo The Atlas Underground que apresenta parcerias com Bassnectar, Big Boi, Killer Mike, K.Flay, Portugal. The Man, Whethan, e Marcus Mumford, entre outros.


Evento: Samsung Best Of Blues

Local: Anfiteatro Pôr do Sol / Porto Alegre - RS
Realização: Dançar Marketing
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •


John 5 - Samsung Best Of Blues

O norte-americano John Lowery, ficou conhecido como John 5 após entrar para a banda de Marilyn Manson, em 1998, como o quinto integrante.

John tocou nas turnês “Rock Is Dead”, “Guns”, “God and Government” e “Grotesk Burlesk” e deixou a banda em 2004, para se dedicar ao trabalho solo e lançar os discos “Vertigo” (2004) e “Songs for Sanity” (2005), com participações de Albert Lee e Steve Vai.

Ao mesmo tempo, começou a contribuir com o cantor Rob Zombie e formou a banda Loser, que teve fim em 2006.

Seu novo trabalho solo “The Devil Knows My Name” veio em 2007, com participações de Joe Satriani, James Root (guitarrista da banda Slipknot), Eric Johnson e outros.

Evento: Samsung Best Of Blues
Local: Anfiteatro Pôr do Sol / Porto Alegre - RS
Realização: Dançar Marketing
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •


Camarones Orquestra Guitarrística - Samsung Best Of Blues

A banda Camarones Orquestra Guitarrística tem seis álbuns lançados e uma extensa videografia que conta com clipes, shows e documentários de turnês.

Os dois últimos discos do grupo foram produzidos em parceria com o selo paulista Hearts Bleed Blue.

O som do Camarones é considerado rock dançante instrumental, pois une elementos de surf music, ritmos brasileiros e Ska.

Formam a banda:
- Ana Morena: baixo
- Anderson Foca: guitarra
- Yves Fernandes: bateria
- Alexandre Capilé: guitarra

Evento: Samsung Best Of Blues
Local: Anfiteatro Pôr do Sol / Porto Alegre - RS
Realização: Dançar Marketing
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •


Isa Nielsen - Samsung Best Of Blues

Isa Nielsen é uma guitarrista que começou a tocar aos 14 anos e logo montou sua primeira banda.

Ela participou de Reality Shows como Rocka Rolla e Dia Mundial do Rock, ambos na MTV, com a banda Detonator e as Musas do Metal, com a qual se apresentou em 2012 no VMB/MTV.

Gravou os solos do CD Detonator - Metal Folclore e o DVD Live InSana (Detonator), lançados em 2015.

Neste mesmo ano, ela lançou sua primeira música autoral, Synthetic Inoxia.

No ano seguinte, Isa se desliga do Detonator para tocar com Metalmania, banda de Robertinho do Recife.

Evento: Samsung Best Of Blues
Local: Anfiteatro Pôr do Sol / Porto Alegre - RS
Realização: Dançar Marketing
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •


General Bonimores - Samsung Best Of Blues

A banda gaúcha General BoniMores é formada por Chico Frandoloso nos vocais e violões, Jei Silvanno na guitarra, Dig Dembinski no baixo e Zeh Dala Lana na bateria.

Inspirados em grandes nomes da MPB, folk, soul gospel e rock’n’roll clássico e nacional, os “generais” mostram seu talento e canções autorais desde suas primeiras apresentações, em 2010.

Em seus shows, costumam mesclar canções autorais com homenagens, interpretando artistas que os influenciam de alguma forma, como Legião Urbana, Beatles, Stones, Bob Dylan, Mutantes, Titãs, Raul Seixas, Neil Young, entre outros.

Em 2014, venceram o festival nacional Samsung E-Festival na categoria canção, com Dia Feliz.

Na turnê do Samsung E-Festival fizeram grande show no Parque Ibirapuera, em São Paulo, ao lado de Gilberto Gil, para um público de aproximadamente 70 mil pessoas; além do show no Rio de Janeiro, no Teatro Bradesco, com Maria Rita e no Anfiteatro Pôr do Sol em Porto Alegre com Hamilton de Holanda e Paula Lima.

Evento: Samsung Best Of Blues
Local: Anfiteatro Pôr do Sol / Porto Alegre - RS
Realização: Dançar Marketing
Assessoria de Imprensa: Jéssica Barcellos
• • •

• • •

quinta-feira, 13 de setembro de 2018


Sublime with Rome - Bar Opinião

O Sublime With Rome trouxe novamente as energias positivas de seu ska punk reggaeiro a Porto Alegre.

A banda se apresentou no último dia 13 de setembro no Bar Opinião.

Formada em 1988, em Long Beach (California), o Sublime é uma banda estadunidense de ska punk e reggae.

Com a morte do vocalista Bradley, em 1996 no auge do sucesso, os demais integrantes resolveram encerrar as atividades.

No entanto, em 1997, músicas póstumas como “What I Got”, “Santeria”, “Wrong Way” e “Doin” Time” explodiram nas rádios dos EUA motivando o time a continuar seu legado.

Um tempo depois, surgia o Sublime with Rome, que atualmente é a junção de um dos criadores do Sublime (o baixista Eric Wilson) com a voz emblemática do cantor Rome Ramirez, que colabora com o conjunto desde 2009.

A dupla tem a companhia do baterista Carlos Verdugo.

Com o baixista e co-fundador do Sublime Eric Wilson ancorando o grupo, o Sublime With Rome está preparando um trabalho autoral de altíssimo nível.

Produzido por Rob Cavallo, o registro promete ser a expressão de três músicos que realmente se comunicam e se expressam perfeitamente por meio de seus instrumentos. “Nós tivemos tempo, nos conhecemos mais agora e somos músicos ainda melhores”, disse Rome Ramirez, que tinha apenas 20 anos quando embarcou em uma jornada vitoriosa com a banda que despontou para o sucesso nos anos 1990.

Setlist
▪ Date Rape
▪ Smoke Two Joints
▪ Wrong Way
▪ Murdera
▪ Garden Grove
▪ April 29, 1992
▪ Panic
▪ Badfish
▪ Let's Go Get Stoned
▪ Perfect World
▪ Doin' Time
▪ Scarlet Begonias
▪ We're Only Gonna Die For Our Arrogance
▪ What I Got
▪ Santeria

Realização: Abstratti Produtora
• • •

• • •

domingo, 9 de setembro de 2018


Sepultura - Bar Opinião

O Sepultura, um dos nomes mais importantes do heavy metal nacional, voltou a tocar no Bar Opinião no último dia 09 de setembro, com a turnê do seu álbum mais recente, que chegou às lojas e aos serviços de streaming no ano passado.

O grupo mineiro, que vem excursionando pelo mundo inteiro com o aclamado “Machine Messiah”, considerado o melhor trabalho da banda desde a chegada do vocalista Derrick Green, subiu ao para apresentar os melhores momentos do seu repertório mais atual e também as grandes composições dos seus 30 anos de estrada.

As rápidas I Am the Enemy e Phantom Self, escolhidas para serem os dois primeiros singles do disco, tiveram a companhia de outros tantos hinos do thrash metal, forjados com maestria pelo quarteto, como Inner Self, Roots Bloody Roots, Refuse/Resist e Territory.

Setlist
▪ Intro - Polícia
▪ I Am The Enemy
▪ Phantom Self
▪ Kairos
▪ Territory
▪ Inner Self
▪ Sworn Oath
▪ Against
▪ Choke
▪ Boycott
▪ Machine Messiah
▪ Iceberg Dances
▪ Desperate Cry
▪ Refuse/Resist
▪ Arise
▪ Dead Embryonic Cells
▪ Slave New World *Bis*
▪ Resistant Parasites *Bis*
▪ Ratamahatta *Bis*
▪ Roots Bloody Roots *Bis*

Realização: Opinião Produtora e Pisca Produtora
• • •

• • •


Project46 - Bar Opinião

Há décadas o Brasil não presenciava a ascensão de uma banda pesada – e os paulistanos do Project46 quebraram esse tabu.

Os riffs modernos dos guitarristas Jean Patton e Vini Castellari, combinados aos vocais explosivos de Caio MacBeserra, arredondados pelas grossas linhas de baixo de Baffo Neto e somados ao estilo veloz do baterista Betto Cardoso, formam uma música extremamente pesada e de estética exuberante, que carrega mensagens claras sob uma dinâmica extremamente, com o passo da geração do século 21.

Já experiente em grandes eventos, graças à dedicação e apoio viral de seus fãs, a banda foi a vencedora de uma enquete para se apresentar no Monsters of Rock Festival 2013, em São Paulo.

Como banda de abertura do primeiro dia, eles desencadearam um set feroz de 50 minutos, vencendo a multidão de 40 mil metaleiros fanáticos que estavam lá para ver Gojira, Hatebreed, Slipknot, Limp Bizkit e Korn.

Em 2017, após lançar dois álbuns extremamente bem-sucedidos, "Doa a Quem Doer" e "Que Seja Feita Nossa Vontade", a banda era um time energeticamente forte, criativo, focado e certeiro.

O resultado dessa fase é seu novo e aguardado terceiro álbum, intitulado "TR3S" .

É facilmente perceptível a ambição da banda ao compor esse disco que, com uma única audição, cativa fãs do estilo e posiciona o Project46 como um dos grupos mais promissores do país e os coroam como maior representante do metal moderno brasileiro.

Tanto é que, em 2018, "TR3S" foi eleito melhor álbum de 2017 pelos leitores do maior veiculo da mídia especializada do país, a revista Roadie Crew.

A banda se apresentou no último dia 09 de setembro no Bar Opinião abrindo para o Sepultura.

Setlist
▪ Terra De Ninguém
▪ Dor
▪ Pânico
▪ Na Vala
▪ Erro +55
▪ Violência Gratuita
▪ Tr3s
▪ Foda-se
▪ Acorda Pra Vida

Realização: Opinião Produtora e Pisca Produtora
• • •

• • •