Google+
Facebook
Twitter
Linkedin
Instagram
Flickr

quarta-feira, 13 de setembro de 2017


Três Marias - Salão de Atos da UFRGS

O projeto Som no Salão recebeu na última quarta-feira, 13 de setembro, no Salão de Atos da UFRGS o show "Lá Vai Maria" com o grupo Três Marias.

"Lá Vai Maria" narra a trajetória de uma mulher afro-indígena, que se reconhece e auto-declara como tal a partir do momento em que se permite viver as tradições que de alguma forma lhe pertencem, mas que por muito tempo não acessou pela falta de representatividade e silenciamento da sua própria história familiar.

Maria passa por várias situações que lhe provocam e permitem se deparar com sua ancestralidade, como o motivador encontro com um humilde senhor, pelas ruas de uma cidade grande, que lhe contava histórias e ensinava versos de poesia, e além de tudo lhe ensinou os primeiros toques de zabumba e pandeiro.

Seguindo sua caminhada, Maria encontra uma senhora que limpava as ruas cantando ciranda, e ensinava à sua comunidade as toadas de maracatu e samba de coco que vivenciou na sua infância. Nessa mesma comunidade conheceu um lugar onde as pessoas comiam com a mão, tocavam tambores e giravam a noite inteira cantando e saudando a vida e seus antepassados.

E como uma coisa leva a outra, logo ela se vê imersa num universo de cantos, fazeres e danças dessa terra, que contam a história de seus bisavós, que ensinam os nomes dos pássaros, das árvores, que ensinam a plantar e cultivar, e que mais que tudo, ensinam a ouvir. Maria, somos diversas.

O show "Lá Vai Maria" apresentou ao público a produção musical de um grupo de mulheres musicistas que mergulharam no universo da musicalidade popular brasileira, através da vivência e troca com mestras e mestres parceiros, enquanto um movimento de reencontro consigo mesmas, de resistência e fortalecimento.

No repertório o trabalho autoral do grupo com algumas parcerias e passeia por tradições como capoeira angola, jongo, forró de rabeca, bumba meu boi, samba, afoxé e samba de coco. A sonoridade do grupo é composta por vozes, percussões e cordas.

O grupo é composto por Andressa Ferreira, Gutcha Ramil, Thayan Martins, Pâmela Amaro e Tamiris Duarte.

Cenário e Luz: Isabel Ramil e Vicente Miranda.
Técnicos de som: André Brasil e Wagner Lagemann.
Parceiros: Afro-sul Odomodê, Ponto de Cultura Escola de Capoeira Angola Áfricanamente.
Figurino: Jane e Três Marias

• • •

• • •